Procedimentos de segurança – Serralharias

01/08/2012 | Biblioteca - Procedimentos segurança








Perigos mais frequentes

  • Queda de pessoas a nível diferente
  • Queda de pessoas ao mesmo nível
  • Queda de objectos por desabamento ou desmoronamento
  • Queda de objectos desprendidos
  • Marcha sobre objectos
  • Choque contra objectos imóveis
  • Pancadas e cortes por objectos ou ferramentas
  • Projecção de fragmentos ou partículas
  • Entaladela ou esmagamento
  • Sobre-esforços ou posturas inadequadas
  • Contactos eléctricos
  • Exposição a substâncias nocivas ou tóxicas

Causas principais

  • Desarrumação dos locais de armazenamento e de trabalho
  • Retirar protecções às máquinas
  • Trabalho desorganizado (atravancamento de locais de passagem…)
  • Utilização de meios mecânicos de forma inadequada (utilizar os equipamentos para além das capacidades indicadas pelo fabricante, paletes mal empilhadas ou desamarradas
  • Utilização de ferramentas em mau estado de conservação
  • Utilização de andaimes ou bancadas improvisados ou indevidamente montados
  • Não delimitar e sinalizar a zona de trabalhos
  • Não utilizar os EPI(s) necessários nomeadamente, contra quedas em altura
  • Trabalhadores sem formação e desconhecimento dos riscos

 Medidas de prevenção aconselhadas

  • As zonas de trabalho devem manter-se limpas de recortes e limalhas
  • Os elementos metálicos, devem ser armazenados em local acessível, sem interferir com as zonas de passagem.
  • O armazenamento deve ser organizado por dimensões, as peças devem ser correctamente alinhadas e, a altura das pilhas não deve colocar em causa a sua estabilidade
  • Os elementos devem ser içados em molhos devidamente atados
  • Deve-se delimitar e sinalizar a zona de trabalhos, especialmente em operações de soldadura ou rebitagem
  • Deve-se colocar ventilação em locais com pouca ventilação natural e onde se efectuem operações de limpeza e desengorduramento
  • Deve existir um extintor nos locais onde decorrem trabalhos de soldadura
  • As sacadas, guardas de varandas, estendais e corrimãos devem ser colocados por dois trabalhadores a fim de evitar desabamentos e quedas
  • Todos os elementos chumbados devem ser devidamente escorados até que o cimento esteja devidamente seco
  • Os trabalhos de soldadura devem ser executados por trabalhadores com formação adequada (e devidamente registada) para essa função
  • Em locais onde não seja possível manter as protecções colectivas durante a execução dos trabalhos devem ser instaladas linhas de vida
  • Os discos da rebarbadora devem ser substituídos sempre que apresentem desgaste superior a 1/5, fracturas ou empenas e devem ser correctamente fixados

Procedimentos de segurança e gestão de obra

Procedimentos partilhados por:

InObra – Fiscalização e Gestão de Obras
Rua Vale da Vermelha nº 57 – Albergaria-a-Velha
Tel: 234 522 062 / 964 595 531