Controle de qualidade 35 – Tectos e Divisórias em pladur

09/12/2012 | Biblioteca - Controle de qualidade

N.ºOperaçãoComo executaO que controlaCritérios de
Aceitação/Rejeição
Como controlaQuando
(frequência)
Quanto
35.1Marcação de CotasMarcação com mangueira de Nível ou Nível de Laser, segundo indicações de projectoCota± 0,5 cmCom mangueira de nível ou nível de LaserDurante a operaçãoNa totalidade
35.2Execução da Estrutura de SuporteTectos em Madeira: Furação e cravamento de buchas, seguido de colocação de tirantes (se necessário) e barrotes.– Resistência / Estabilidade – CotaEstrutura uniforme e devidamente colocadaVisualDurante a operação
Tectos em Pladur, Gesso cartonado e Placas metálicas: Furação e cravamento de buchas metálicas, seguido de colocação de tirantes calhas e acessórios.
35.3Aplicação do Tecto FalsoMadeira: Colocação de peças em madeira com cravamentoColocação das peçasCorrecta colocação das peçasVisualNo final da operação
Pladur: Aparafusamento das placas á estrutura, seguido da colocação de bandas e emassamento.Colocação das peças – EmassamentoCorrecta colocação das peças – Emassamento uniforme
Gesso cartonado ou placas metálicas: Colocação das peças na estruturaColocação das placasCorrecta colocação das placas
35.4Marcação deAlinhamentoMarcação de acordo com o projectoO alinhamento± 1 cm entre as extremidadesVisual e com fita métricaDurante a operaçãoNa totalidade
35.5Execução da Estrutura de Suporte e PlacagemExecução de estrutura de suporte e placagem, de acordo com o projectoColocação de acordo com a marcação e prumoDe acordo com a marcação e ± 0,5 cm para o prumoVisual e com fio de prumo de nível
35.6Colocação das bandas e emassamento; acabamento finalAplicação do material e acabamento finalCorrecta aplicação do material e acabamento finalCorrecta colocação das bandas eemassamento; correctoacabamento finalVisual